Arquivo para categoria graça

A mão de Deus está aqui

Exercício: estique o braço, olhe para ele, essa é a distância de um braço, correto?

Há alguns anos  aconteceu uma tragédia do Rio de Janeiro, durante as festas de final de ano, foi um deslizamento muito grande e vários hotéis foram soterrados e muitas pessoas morreram. Ouvi de um pregador que ele foi interrogado sobre onde estaria Deus durante uma tragédia como aquelas, então esse pregador disse que respondeu o seguinte: Deus estava onde sempre esteve, a igreja é que infelizmente ainda não estava lá. Fiquei muito tempo, mas muito tempo mesmo, com essa resposta ecoando em mim, sem entender.

Esse final de semana meu pastor pregava e falou como ele gostaria de que a igreja fosse mais solidária, mais social e servisse a comunidade. Fiquei no banco pensando “mas afinal o que ou quem impede a igreja de fazer mais?” Tive a resposta lá mesmo; quem: Nós; o que? Imobilidade.

Se eu te perguntasse qual o cumprimento do braço de Deus, com certeza você responderia que é infinito, não estaria errada resposta, porém ele só consegue alcançar onde o seu (isso seu braço, de você) alcança.

Creio que já deu pra entender onde quero chegar, enfim entendi o que aquele pregador quis dizer sobre onde Deus estava e onde a igreja não estava.  A pessoa mais importante está a distância que seu braço alcança, quando se perguntar onde estão os não alcançados agora já sabe a resposta de pelo menos onde você deveria estar.

Nossa vida em comunidade é justamente para que de braços dados possamos alcançar muito mais longe do que se estivéssemos sós.

Leia o resto deste post »

Anúncios

, , , ,

Deixe um comentário

A Causa

  Na vida de casal uma pessoa não deve se submeter ao outro, mas os dois devem se submeter a relação, o casamento.

Porque-Criar-Um-Site-de-Casamento-0.jpg

  Assim também é nossa vida com a igreja de Jesus, não nos submetemos às pessoas ou as denominações, mas a causa do Senhor, revelar o Pai onde a gente estiver no trabalho, na rua, no trânsito, na família, etc.

  Não é fácil, se entendermos se torna mais fácil, não torna fácil, nem Jesus achou a missão dele fácil (se possível afasta de mim esse cálice, disse o Mestre)

o-que-não-dizer-numa-briga-de-casal-1  É difícil pois implica em deixar de buscar meu próprio interesse. Isso é fácil? Claro que não. Não é fácil se relacionar com pessoas que mal conhecemos, não os compreendemos e não somos compreendidos, mas uma coisa facilita, estamos  no mesmo processo, membros do mesmo corpo. Os talentos que Deus nos deu são para ajudarmos uns aos outros, não para uns mandarem e outros obedecer, não para uns falarem e outros ouvirem, mas para ajudarmos uns aos outros, isso é viver igreja.

  A “igreja” chamamos de ir a um templo, reunir, cantar, orar, cumprimentar e  despedir, lamento mais isso não é igreja, isso é religiosidade, isso não faz sentido.

  Precisamos aprender a viver em função da relação e ai sim cumprir o propósito do Senhor para nossas vidas, mesmo que isso não seja tão agradável. Lembro que é deixar de pensar em si e passar a pensar na pessoa do nosso lado, não, não é fácil.

  Jesus não veio fazer a própria vontade, mas a vontade do Pai, então é essa a razão de estamos aqui. Senão não fazer o menor sentido nos reunirmos, podemos até vir, podemos até prestar um serviço a Deus (sim existe diferença entre serviço e trabalho) até podemos orar, expulsar uns demônios, ,…. Mas e se Jesus disser que não nos conhece?

  Isso é serio, muita responsabilidade, entendimento.

Se tudo o que fazemos é para alcançarmos felicidade, conquistas pessoais, garanto nunca seremos felizes, o ser humano é insaciável, O livro de Eclesiastes cap3 (depois de Provérbios e antes de Cantares) diz que o Senhor colocou a eternidade dentro de nós em nosso coração. Precisamos simplificar.

  Quando fazemos a vontade de Deus, experimentamos a verdadeira vida, independente do que estejamos passando ou das dificuldades encaradas .

  Então viver igreja não depende do pastor, pregador, cantor, etc.… não é o que os outros tem que fazer, mas depende do que eu preciso entender que devo fazer.

  A pessoa que me vê não pode viver a vontade do Pai baseada no eu faço ou deixo de fazer. Essa mesma pessoa só vai viver a vontade do Pai quando ele entender que ele deve viver e fazer a vontade o Pai. Quando eu faço algo, canto ou oro, não é para mim, mas para que a pessoa do meu lado veja Deus em mim e então juntos possamos cumprir os propósitos planejados lá na eternidade.

  Eu viver ou não tudo o que escrevi aqui não tem a ver com a culpa de alguém ou no que outra pessoa pensa, mas com a minha culpa por não buscar e não querer a vontade do meu Pai.

abrac3a7o  Tudo depende do nosso compromisso, sempre teremos tempo para o que nos é prioridade. É por isso que andamos juntos. Não ficamos esperando por um novo reino mas estamos aqui para revelar o Reino de Deus, e revelamos esse Reino quando nos relacionamos como os irmãos segundo a vontade e o querer do Rei.

  Enquanto não escrevo sobre, recomento fortemente o livro “Maravilhosa Graça

Um abraço e fique com Deus, tudo de bom sempre.

 

 

, , , ,

Deixe um comentário

Você É Aquilo Que Você Carrega!

Você É Aquilo Que Você Carrega!

O que você carrega, está dentro de você desde quando, por escrever sobre você (Sl. 139:16), DEUS te elegeu NELE! (Ef. 1:4)
Primeiro ELE te elegeu NELE criando você em YESHUA (Ef. 2:10 a), depois escreveu sobre você e te formou do barro e então colocou dentro de você o que escreveu na eternidade (Ec. 3:11) e pra completar, criou as obras de antemão para que você caminhe sobre elas! (Ef. 2:10 b)

Leia o resto deste post »

Deixe um comentário

Quem não entender não vai desfrutar.

  • precisamos entender, o que não entendemos não desfrutamos.

Mateus 13, 4 Disse ele: Um semeador saiu a semear. E, semeando, parte da semente caiu ao longo do caminho; os pássaros vieram e a comeram.

Então no mesmo capítulo o Senhor explica:

19 quando um homem ouve a palavra do Reino e não a entende, o Maligno vem e arranca o que foi semeado no seu coração. Este é aquele que recebeu a semente à beira do caminho.

Leia o resto deste post »

Deixe um comentário

Resistência Podcast

resistência RPQuero deixar uma dica de uma galera fora da caixa, Resistência Podcast, com uma forma bem humorada fala de “vida cristã sem religiosidade” comandado pelo Rodrigo Oliveira, que define o trabalho assim “Por  meio  de  um  bate  papo entre amigos  tentamos trazer  uma visão cristã sobre diversos pontos da vida cotidiana.  Nosso  objetivo  maior  é  expor  os  ouvintes  à  simplicidade  do  evangelho e desmascarar as amarras que a religião impõe.  Queremos ajudar outras pessoas a abrirem seus olhos e viverem um evangelho livre de religiosidade, com pureza e simplicidade.”

 

Vale conferir Resistência Podcast, se você está lendo esse texto, você é a resistência.

link direto para os áudios, sugiro ouvir desde o primeiro.

 

Deixe um comentário

Humildade e humilhação

humilhar-2Eu estava lendo a Bíblia quando um trecho que já li milhões de vezes estourou no meu peito com toda força como nunca antes. Diz assim o texto bíblico: “Em seguida, Jesus contou a seguinte parábola àqueles que confiavam em sua própria justiça e desprezavam os demais: ‘Dois homens foram ao templo orar. Um deles era fariseu, e o outro, cobrador de impostos. O fariseu, em pé, fazia esta oração: ‘Eu te agradeço, Deus, porque não sou como as demais pessoas: desonestas, pecadoras, adúlteras. E, com certeza, não sou como aquele cobrador de impostos. Jejuo duas vezes por semana e dou o dízimo de tudo que ganho’. Mas o cobrador de impostos ficou a distância e não tinha coragem nem de levantar os olhos para o céu enquanto orava. Em vez disso, batia no peito e dizia: ‘Deus, tem misericórdia de mim, pois sou pecador’. Eu lhes digo que foi o cobrador de impostos, e não o fariseu, quem voltou para casa justificado diante de Deus. Pois aqueles que se exaltam serão humilhados, e aqueles que se humilham serão exaltados”.” (Lc 18.9-14, NVT). O que me impactou tanto nessa leitura foi me dar conta da enorme quantidade de pessoas que agem exatamente como esse fariseu em nossos dias. Gostaria de convidar você a refletir sobre isso.

  Leia o resto deste post »

2 Comentários

Só um diamante pode lapidar outro diamante.

Diamante-Bruto-FotoSó um diamante pode lapidar outro diamante.
O brilho do diamante é um brilho eterno.
Há pelos menos 5 mil categorias de diamantes, e 40% se perdem no processo de lapidação.
Então o maior desafio não é achar o diamante, mas lapidá-lo.
Convencer alguém a se tornar um cristão não é tão difícil, agora mudar o caráter só Deus tem o poder.
Só um diamante pode lapidar outro diamante.
Tem que haver um segredo, porque o Senhor nos conduz a reuniões quase que diárias com pessoas que já determinaram suas vidas a Cristo?
Só um diamante pode lapidar outro diamante.
Tem que haver um segredo aqui.
Por qual motivo nos reunimos quase que diariamente em um local? ouvimos as mesmas coisas, somos sujeitos as mesmas situações.

Só um diamante pode lapidar outro diamante.

233206d8a8a25024f7de2a8cf95bb6dd

, , ,

Deixe um comentário