Arquivo para categoria apologética

A Causa

  Na vida de casal uma pessoa não deve se submeter ao outro, mas os dois devem se submeter a relação, o casamento.

Porque-Criar-Um-Site-de-Casamento-0.jpg

  Assim também é nossa vida com a igreja de Jesus, não nos submetemos às pessoas ou as denominações, mas a causa do Senhor, revelar o Pai onde a gente estiver no trabalho, na rua, no trânsito, na família, etc.

  Não é fácil, se entendermos se torna mais fácil, não torna fácil, nem Jesus achou a missão dele fácil (se possível afasta de mim esse cálice, disse o Mestre)

o-que-não-dizer-numa-briga-de-casal-1  É difícil pois implica em deixar de buscar meu próprio interesse. Isso é fácil? Claro que não. Não é fácil se relacionar com pessoas que mal conhecemos, não os compreendemos e não somos compreendidos, mas uma coisa facilita, estamos  no mesmo processo, membros do mesmo corpo. Os talentos que Deus nos deu são para ajudarmos uns aos outros, não para uns mandarem e outros obedecer, não para uns falarem e outros ouvirem, mas para ajudarmos uns aos outros, isso é viver igreja.

  A “igreja” chamamos de ir a um templo, reunir, cantar, orar, cumprimentar e  despedir, lamento mais isso não é igreja, isso é religiosidade, isso não faz sentido.

  Precisamos aprender a viver em função da relação e ai sim cumprir o propósito do Senhor para nossas vidas, mesmo que isso não seja tão agradável. Lembro que é deixar de pensar em si e passar a pensar na pessoa do nosso lado, não, não é fácil.

  Jesus não veio fazer a própria vontade, mas a vontade do Pai, então é essa a razão de estamos aqui. Senão não fazer o menor sentido nos reunirmos, podemos até vir, podemos até prestar um serviço a Deus (sim existe diferença entre serviço e trabalho) até podemos orar, expulsar uns demônios, ,…. Mas e se Jesus disser que não nos conhece?

  Isso é serio, muita responsabilidade, entendimento.

Se tudo o que fazemos é para alcançarmos felicidade, conquistas pessoais, garanto nunca seremos felizes, o ser humano é insaciável, O livro de Eclesiastes cap3 (depois de Provérbios e antes de Cantares) diz que o Senhor colocou a eternidade dentro de nós em nosso coração. Precisamos simplificar.

  Quando fazemos a vontade de Deus, experimentamos a verdadeira vida, independente do que estejamos passando ou das dificuldades encaradas .

  Então viver igreja não depende do pastor, pregador, cantor, etc.… não é o que os outros tem que fazer, mas depende do que eu preciso entender que devo fazer.

  A pessoa que me vê não pode viver a vontade do Pai baseada no eu faço ou deixo de fazer. Essa mesma pessoa só vai viver a vontade do Pai quando ele entender que ele deve viver e fazer a vontade o Pai. Quando eu faço algo, canto ou oro, não é para mim, mas para que a pessoa do meu lado veja Deus em mim e então juntos possamos cumprir os propósitos planejados lá na eternidade.

  Eu viver ou não tudo o que escrevi aqui não tem a ver com a culpa de alguém ou no que outra pessoa pensa, mas com a minha culpa por não buscar e não querer a vontade do meu Pai.

abrac3a7o  Tudo depende do nosso compromisso, sempre teremos tempo para o que nos é prioridade. É por isso que andamos juntos. Não ficamos esperando por um novo reino mas estamos aqui para revelar o Reino de Deus, e revelamos esse Reino quando nos relacionamos como os irmãos segundo a vontade e o querer do Rei.

  Enquanto não escrevo sobre, recomento fortemente o livro “Maravilhosa Graça

Um abraço e fique com Deus, tudo de bom sempre.

 

 

, , , ,

Deixe um comentário

Humildade e humilhação

humilhar-2Eu estava lendo a Bíblia quando um trecho que já li milhões de vezes estourou no meu peito com toda força como nunca antes. Diz assim o texto bíblico: “Em seguida, Jesus contou a seguinte parábola àqueles que confiavam em sua própria justiça e desprezavam os demais: ‘Dois homens foram ao templo orar. Um deles era fariseu, e o outro, cobrador de impostos. O fariseu, em pé, fazia esta oração: ‘Eu te agradeço, Deus, porque não sou como as demais pessoas: desonestas, pecadoras, adúlteras. E, com certeza, não sou como aquele cobrador de impostos. Jejuo duas vezes por semana e dou o dízimo de tudo que ganho’. Mas o cobrador de impostos ficou a distância e não tinha coragem nem de levantar os olhos para o céu enquanto orava. Em vez disso, batia no peito e dizia: ‘Deus, tem misericórdia de mim, pois sou pecador’. Eu lhes digo que foi o cobrador de impostos, e não o fariseu, quem voltou para casa justificado diante de Deus. Pois aqueles que se exaltam serão humilhados, e aqueles que se humilham serão exaltados”.” (Lc 18.9-14, NVT). O que me impactou tanto nessa leitura foi me dar conta da enorme quantidade de pessoas que agem exatamente como esse fariseu em nossos dias. Gostaria de convidar você a refletir sobre isso.

  Leia o resto deste post »

2 Comentários

A vida não é sobre quem bate mais forte

“A vida não é sobre quem bate mais forte, é sobre quem aguenta mais pancadas”. Jesus e a outra face.

mals ae Rocky

mals ae Rocky

Rocky Balboa disse: “Ninguém vai bater mais forte do que a vida. Não importa como você vai bater e sim o quanto aguenta apanhar e continuar lutando; o quanto pode suportar e seguir em frente. é assim que se ganha”

Jesus Cristo disse no Sermão do Monte (Mateus 5: 38 Ouvistes que foi dito: Olho por olho e dente por dente. 39 Eu, porém, vos digo: Não resistais ao homem mau; mas a qualquer que te bater na face direita, oferece-lhe também a outra; 40 e ao que quiser levar-te ao tribunal, e tirar-te a túnica, deixa que leve também a capa; 41 e, se alguém te obrigar a caminhar mil passos, vai com ele dois mil. 42 Dá a quem te pedir e não voltes as costas a quem te pedir emprestado. 43 Ouvistes que foi dito: Amarás o teu próximo e odiarás o teu inimigo. 44 Eu, porém, vos digo: Amai os vossos inimigos e orai pelos que vos perseguem; 45 para que vos torneis filhos do vosso Pai que está no céu; porque ele faz nascer o sol sobre maus e bons e faz chover sobre justos e injustos.) ou em Lc 6.27-36, também diz a mesma coisa. Leia o resto deste post »

Deixe um comentário

A essência da estrutura. (parte2)

images (4)A igreja é a única entidade social que não existe primariamente para seus associados. A igreja existe para alcançar e servir os que ainda não foram alcançados. Sua missão transcende a ela mesma no plano local, regional, nacional e mundial. Como fomos comissionados por Cristo para irmos “até os confins da terra” (Atos 1.8) existimos para o próximo, para o outro!

Antes, procuremos, de todas as formas, amar, porque fomos amados primeiro, quando ainda éramos pecadores (1 João 4.19). Como igreja, sejamos discípulos altruístas, que, independentemente da profissão ou formação, tenham o mesmo coração doador e entregue para servir integralmente e fortalecer a Igreja de Cristo na terra. Vamos orar, trabalhar, zelar pelo ministério. Vamos juntos ser fiéis dizimistas e generosos ofertantes nesta igreja, e se tivermos algo que pudermos servir profissionalmente a ela, vamos disponibilizar com alegria, como um chamado de honra. Meus irmãos, corramos, porém não por nós mesmos. Mais do que nunca é necessário evangelizar para transformar. Sejamos evangelizadores apaixonados por Deus, afinal, de graça recebemos Sua misericórdia e de graça queremos dar (Mateus 10.8).

Como o nosso Salvador e Mestre Jesus disse acerca de si mesmo: “[Ele] não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate por muitos” (Mateus 20.28). Não se esqueça: “Uma pessoa só pode receber o que lhe é dado dos céus” (João 3.27). Receba o amor de Deus e doe o amor de Deus sem parar, por meio de puros atos de doação!

Toda estrutura serve para servir a essência senão não serve, certo? Certo, mas entender onde começa estrutura e essência, quando nos tornamos parte da estrutura ou ainda somos a essência, quando somos parte da missão ou dos missionários é nosso grande desafio.

Obrigado por ter lido até o final e não formado opinião antes da conclusão.

, , , , ,

Deixe um comentário

A essência da estrutura.

principal

Deus nos deu algumas partes em nossos corpos em que não podemos tocar, e justamente nessas partes temos as maiores estruturas de proteção.
Tomando como exemplo o planeta Terra, formado por continentes estes possuem países, os países possuem estados, os estados possuem municípios , e estes por ultimo possuem ou melhor têm pessoas, tudo culmina no ser humano.
Qual a finalidade então de todas essas divisões se poderiam juntar tudo em uma única nação e pronto. Por qual o motivo que isso não acontece? Diversidade, é a resposta mais simples.
Sem em qualquer ponto dessa singela analise você querer se aprofundar vai notar que existem lacunas imensas, por exemplo: entre o município e as pessoas, pode-se adicionar bairros, casas, lares, famílias e ai sim pessoas. Mas voltamos ai início, qual a essência senão as pessoas.

Leia o resto deste post »

, , , , ,

Deixe um comentário

O que vai mudar essa geração

bO que vai mudar essa geração não e as passeatas dos evangélicos
Nem o show gospel
Nem o retiro dos departamentos
Nem as pregações nos púlpitos
Nem as bíblias em baixo dos braços dos crentes…
O que vai mudar essa geração é a manifestação dos filhos de Deus.
Quem vai ser usado para mudar essa geração não é quem anda, canta, se reclusa, grita, estuda,… mas quem chora por essa cidade, estado e nação.

Seu irmão Éder

02/09/2015

Deixe um comentário

Religião X Reino

8845631_VMMhH

A religião produz gente hipócrita, o Reino produz gente verdadeira;
A religião produz conceitos, o Reino produz conhecimento;
A religião quer manter a reputação, o Reino quer manter a integridade;
A religião produz avarentos, o Reino produz provedores;
A religião quer ver quem é maior, o Reino quer ver quem serve melhor;
A religião produz pedintes, o Reino produz intercessores;
A Religião produz competidores, o Reino produz companheiros.

Ministros da religião querem um culto abençoado, Ministros do Reino querem vidas transformadas.

Leia o resto deste post »

, , , , , ,

Deixe um comentário